Medicamentos seguros

Saiba como você pode reduzir os riscos e tirar o máximo proveito de seus medicamentos.

A Administração de Alimentos e Medicamentos dos Estados Unidos (FDA) julga que um medicamento é seguro o suficiente quando os benefícios do medicamento superam os riscos conhecidos para o uso rotulado.

Médicos, assistentes médicos, enfermeiros, farmacêuticos e VOCÊ compõem a sua equipa de cuidados de saúde. Para reduzir os riscos de usar remédios e obter o máximo benefício deles, você precisa ser um membro ativo dessa equipe.

Para tornar a medicina mais SEGURA:

  • Fale
  • Pergunte
  • Analise os fatos
  • Avalie suas escolhas
  • Leia o rótulo e siga as instruções

 

Converse

Quanto mais informações a sua equipe de médicos e afins tiverem sobre você, melhor a equipe pode planejar o cuidado ideal para você.

Os membros de sua equipe precisam saber seu histórico médico, como doenças, condições médicas (como pressão alta ou diabetes) e operações que você teve que fazer.

Eles também precisam saber todos os medicamentos e tratamentos que você usa, e com qual frequência você os usa. Antes de adicionar algo novo, fale sobre isso com seus médicos. Sua equipe pode ajudá-lo a fazer melhores escolhas.

Ajuda dar uma lista por escrito de todos os seus medicamentos e tratamentos a todos os seus médicos, farmacêuticos e afins. Manter uma cópia da lista para si mesmo e dar uma cópia para um ente querido.

 

Certifique-se de incluir:

  • Medicamentos, incluindo quaisquer amostras que o seu médico tenha lhe fornecido.
  • Medicamentos que você pode comprar sem receita médica (como antiácidos, laxantes, ou dor, febre e tosse / medicamentos para o resfriado).
  • Suplementos, incluindo vitaminas e ervas
  • Quaisquer outros tratamentos
  • Quaisquer alergias e quaisquer problemas que possa ter tido com um medicamento
  • Qualquer coisa que possa ter um efeito sobre o uso de remédios, como gravidez,
  • Aleitamento materno, problemas para engolir e problemas com sua memória.

Faça Perguntas

A sua equipa de médicos e afins pode ajudá-lo a fazer as melhores escolhas, mas você tem que fazer as perguntas certas. Quando você se encontrar com um membro da sua equipe, tenha suas perguntas escritas e tome notas sobre as respostas. Você pode levar um amigo ou parente para ajudá-lo a entender e lembrar de tudo.

 

Encontre os fatos

Antes de você e sua equipe decidirem sobre uma prescrição ou tratamento, entende o maximo que você puder sobre o que está acontecendo, incluindo:

  • Marca e nomes genéricos (químicos)
  • Ingredientes ativos – para se certificar de que você não está usando mais de um medicamento com o mesmo ingrediente ativo
  • Ingredientes inativos – se você tiver algum problema com ingredientes em medicamentos, como cores, sabores, amidos, açúcares
  • Uso (“indicações” e “contraindicações”) – por que você vai usá-lo, e quando o medicamento deve / não deve ser usado
  • Advertências (“precauções”) – medidas de segurança para garantir que o medicamento seja usado da maneira correta e para evitar danos
  • Possíveis interações – substâncias que não devem ser utilizadas durante a utilização do medicamento. Descubra se outros remédios e medicamentos de venda livre, alimentos, suplementos dietéticos ou outras coisas (como álcool e tabaco) podem causar problemas com o medicamento
  • Efeitos colaterais (“reações adversas”) – efeitos indesejáveis que o medicamento pode causar e o que fazer se você os obtiver
  • Possível tolerância ou dependência – problemas que alguns medicamentos podem causar e o que você pode fazer para evitá-los
  • Overdose – o que fazer se você usar muito
  • Direções – dose usual; O que fazer se você esquecer uma dose; Instruções especiais sobre como usar o medicamento, como tomar com ou sem alimentos
  • Instruções de armazenamento – como e onde guardar o medicamento
  • Expiração – data após a qual o medicamento pode não funcionar, ou pode ser prejudicial seu uso

 

Nas farmácias e na Internet você encontra informações de medicamentos feitas especialmente para os consumidores. Se você ainda sim tiver dúvidas, pergunte aos seus médicos.

Avalie suas escolhas – Pense nos benefícios e nos riscos

Depois de ter todas as informações, pense cuidadosamente sobre suas escolhas. Pense sobre os efeitos úteis, bem como os possíveis efeitos indesejados. Decida quais são os mais importantes para você. Isto é como você pesa os benefícios e os riscos. O aconselhamento especializado de sua equipe médica e as informações fornecidas à equipa podem ajudar a orientar você e a sua equipa na tomada da decisão que é adequada para si.

Leia a bula e siga as instruções

Leia o rótulo para saber que ingrediente (s) ativo (s) está (m) no medicamento. O ingrediente ativo em uma prescrição ou medicina OTC pode estar em outros medicamentos que você usa. Usando muito de qualquer ingrediente ativo pode aumentar sua chance de efeitos colaterais indesejados.

Leia o rótulo cada vez que você comprar um medicamento OTC ou preencher sua receita. Ao comprar um OTC, leia o rótulo “Drug Facts” com cuidado para se certificar de que é o medicamento certo para você. Prescrição e medicamentos OTC nem sempre se misturam bem uns com os outros. Suplementos dietéticos (como vitaminas e ervas) e alguns alimentos e bebidas podem causar problemas com seus medicamentos também. Pergunte ao farmacêutico se tiver dúvidas.

Antes de deixar a farmácia com sua receita, certifique-se de que tem o remédio certo, com a dose certa e o modo correto de usa-lo. Se você comprou o medicamento antes, certifique-se de que este medicamento tem a mesma forma, cor, tamanho e embalagem. Algo diferente? Pergunte ao seu farmacêutico. Se o seu medicamento tem um gosto diferente quando é utilizado, informe aos seus médicos.

 

Leia e guarde todas as informações obtidas de seu medicamento.
Leia o rótulo antes de usar o medicamento. Certifique-se que está certo de 5 maneiras:

  • O medicamento certo
  • Para o paciente certo
  • Na quantidade certa
  • No tempo certo
  • No caminho certo (por exemplo, engolir em vez de mastigar um comprimido)

Aproveite ao máximo os benefícios e reduza os riscos seguindo as instruções.

Se você quiser parar de tomar um remédio consulte primeiro seu médico. Alguns medicamentos levam mais tempo para mostrar que realmente estão funcionando. Alguns medicamentos, como os antibióticos, é importante não parar de usa-los no meio do tratamento, mesmo que você esteja se sentindo melhor. Quando você parar de usar alguns medicamentos, você deve reduzir a dose pouco a pouco para evitar efeitos colaterais indesejados.
Relate à Equipe

Preste atenção a como você se sente. Se tiver um efeito indesejado, informe imediatamente a sua equipa de cuidados de saúde. Pode ser necessária uma alteração na dose ou uma alteração no medicamento.